Imagem do meu novo portátil?

Vivemos tempos de crise, mas felizmente ainda existem alguns trocos destinados a bens necessários ao nosso meio laboral, e uma alma generosa ofereceu-me um portátil digno de ser consagrado quanto uma obra de arte. Testemunhai o sublime requinte do seu design:

— selo de qualidade! —

Confesso é não ter percebido nada das especificações — algo preocupante para alguém na minha área académica, admito! –, mas eram as seguintes:

  • 19 kcal — suponho que seja o processador!
  • 0,1 g Proteínas a 100 ml;
  • 5,1 g Hidratos de Carbono a 100 ml, 4,3 dos quais Açúcares;
  • 0,05 g Lípidos a 100 ml, 0,05 dos quais Saturados;
  • 0,1 g Fibras a 100 ml;
  • 0,06 g Sódio a 100 ml.

Mas enfim, segue-se finalmente uma imagem da máquina maravilhosa:

Mas olhem lá que lindo… parece mesmo uma garrafa de água das Pedr… oh wait!

Lição da história: da próxima vez que forem a um bar pedir Água das Pedras, não se esqueçam de especificar os detalhes todos, antes que um empregado chico-esperto vos pergunte: “Portátil ou não-portátil?”

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s