Infância Aleatória — Disney prepara-se para a ameaça…

— ao contrário do “Beifica”, o suicídio é uma questão séria… —

Infelizmente estamos perante um grave problema quando somos invadidos por uma legião de robots, em confronto com apenas UM Super-Homem — e não ajuda em nada o facto dos restantes da Justice League apenas contarem com 2 dias até às respectivas reformas!

Portanto, sem alternativa à vista, o “Homem de Aço” da DC Comics invocará as forças milenares da… enfim, está no título!

E o nosso primeiro candidato é…

Capitão América vs Camarada Suicídio

— wut? I’m Disney too, ya know? —

Não é todos os dias que um super-herói se integra em debates “psico-sanitários”, mas uma recente mini-mini-mini-mini banda desenhada decidiu quebrar a regra — não terá certamente sido a primeira vez, nem a última –. Captain America: A Little Help está longe de ser a história mais complexa ou melhor desenvolvida, mas é simples, acessível a todas as idades — pronto, desde que saiba ler! — e, acima de tudo, elaborada por uma boa causa: prevenir o suicídio!

Resumindo e concluindo, recomendaria esta banda desenhada a miúdos e graúdos, especialmente os menos apreciadores deste estilo literário, dada a sucinta mensagem que procura transmitir: a de que os super-heróis não são apenas figuras com indumentárias exóticas e cuecas fora do fato. Diria até mais, se alguém deveria evitar esta banda desenhada, seria certamente a União de Super-Hiper-Ultra-Ri-Lyonce Admiradores do Capitão América: não contai com uma história complexa e intrigante, mas sim com uma mensagem simples.

Gostariam de ler o comic de 12 páginas? Então clicai aqui!

Contudo, terão certamente adivinhado que o Capitão América, por si só, pouco ou nada faz… então quem poderá salvar-nos desta “holocáustica” ameaça? Descubram-no, depois do (outro) clique!


Commando Duck — Pato Donald vai à tropa!

Desde toda a parvoíce ao próprio sotaque, são vários os ingredientes para uma receita de sucesso intemporal e únicos momentos de humor motivados pelo grande Pato Donald:

desenhos animados: manipulando crianças desde mil novecentos e… qualquer coisa! —

It’s cawed camoufwage, dammit!

Gostaria que prestassem atenção ao seguinte brinquedo:

Nada de especial: um simples “popó”, à moda antiga e ideal para o Pato Donald. Até inclui uma prancha para as férias, que conveniente! Mas há algo que não bate certo… será aquele símbolo ali à frente?

Eu digo-vos o que aquele símbolo é: uma invasão!

Os Disneyformers voltaram, ao vivo e alguns vieram com cores e tudo!

Podem encontrar todas as informações sobre estas ameaças da Disney em WeirdoToys.

One thought on “Infância Aleatória — Disney prepara-se para a ameaça…

  1. Beifica: O clube do povo, 6 milhões de adeptos, uma historia de glória…e muitos adeptos azeito – divertidos, sem os quais não sabíamos viver. Pior do que isso é a direcção do Beifica que contacta um jogador a cada meia hora e consegue contratar um por dia, uma gestão exemplar que potencia indubitavelmente a estabilidade do clube. L.F. Viera pensa que ainda está na Floria a jogar Manager 2011…

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s