Insulto Aleatório NVIDIA, vai-te…

O fundador do Linux, que por sua vez é um sistema operativo livre – por outras palavras, uma espécie de Windows gratuito que tem tantas variantes que é difícil de saber o que caracteriza cada uma -, decidiu exprimir a sua opinião sobre a falta de suporte de uma das maiores empresas da indústria informática…

e conforme poderão ter visto, tais palavras foram algo… desagradáveis

A sério… empresas preocupadas com dinheiro a não suportarem sistemas que não custam nada… nunca vi tal coisa na minha vida!

Microcinema Aleatório (Mais) Animação

Seguem-se alguns exemplos, já algo antigos, de obras “independentes” merecedoras de alguns minutos de atenção dedicados às mesmas.

O teu papel é… o papel!

Possível Spoiler: no final, um puto acende um fósforo e… POOF!

Ka-CHING!

Este ninja demonstra que o dinheiro é tudo. Tal, contudo, implica que este não serve apenas para gastar em produtos supérfluos e antónimos de felicidade.

A Sala Mágica

Pronto, bem me recordo no meio de todo este texto — também não há muito por onde pegar, neste artigo — de ter mencionado que actores Humanos não seriam apresentados nesta sessão de microcinema. Que fique bem claro: nesta película, o menino (e os demais seres carnudos) não passa de um figurante. A mão sim, é a verdadeira estrela do espe(c)táculo!


Psicopat…logia Aleatória — Amor e Percepção

— isto não é um tubarão. São agora capazes de encarar esta imagem sem pensar no dito animal? —

A fim de ser útil e interpretável, a perspectiva tem de ser “treinada”. Afinal de contas, os olhos são um instrumento de captação visual que, apesar de nos abrir as portas para o mundo exterior, conta com muitas limitações. A consciencialização do processo percepção-acção é moroso, requerendo treino baseado no paradigma tentativa e erro, e trata-se de uma fase geralmente iniciado na nossa bem esquecida infância. Sem esta fase importante e em constante evolução, comportar-nos-íamos como meninos a jogar Futebol com binóculos!

A origem da motivação

As nossas motivações são, em parte, de origem hormonal, com dopaminas e serotoninas e mais outras -inas a “determinar” o nosso comportamento. Do ponto de vista psicológico, porém, o que será que nos influencia a efectuar determinadas atitudes?

http://www.youtube.com/watch?v=u6XAPnuFjJc

As piores formas de terminar uma relação

Encontrei no blog Madatoms uma tabela deveras interessante sobre as formas mais “encobertas” e infelizes de terminar uma relação com aquela suposta pessoa especial — podem lê-lo aqui.

Gostei particularmente do último, o paradoxo do Destino, onde “romanticamente” se procura redireccionar as culpas para o Universo, onde nos temos de orientar pelos nossos sentimentos… o que soa tudo muito bonito, mas esconde tristes verdades.

Naturalmente, existem sinais típicos de que algo está mal, numa relação…

— … especialmente quando estão envolvidas pseudo-consultas a uma ex-programadora-e-agora-pseudo-psicólogas-praticantes-da-arte-do-nudismo-terapeutico —

Publicidade Aleatória — “NOPE!”

Publicidade costumava ser um meio simples de mostrar ao mundo que os nossos produtos existem.

Hoje em dia, porém…

… são meios de mostrar quem é o mais maluco!

Portanto podem visitar a loja de roupa “JapAlternativa” VALE TUDO CAR*LHO, ou então assistir a três publicidades bastante peculiares, depois do clique.

Continuar a ler

(in)Cultos das Internétes — Virologia e Epidemiologia… se é que existe!

Uma pandemia (do grego παν [pan = tudo/ todo(s)] + δήμος [demos = povo]) é uma epidemia de doença infecciosa que se espalha entre a população localizada em uma grande região geográfica como, por exemplo, um continente, ou mesmo o planeta.

in Fonte de Todo-o-Saber

— viral stuff = serious business —

E existirá melhor meio de infecção que a própria Internet? Graças a este meio de comunicação revolucionário, podemos hoje ser alvo de pandemias sem sequer ficarmos doentes, desde rumores lançados online a tendências culturais que rapidamente se propagam por todo o mundo.

Apresento-vos hoje (mais) três vídeos virais marcados para a história por intermédio de 4chan e TuTubo.

Continuar a ler

LEGO Aleatório

palavras!? Quem ser palavras? —

Mais do que as letras, o Esperanto ou o Inglês, o LEGO é uma linguagem universal ao alcance de indivíduos de classes socio-fisiológicas diversas — desde miúdos a graúdos, de artistas a cientistas…

Lego na Tiraneolândia

A apreciação do império War Machines Strike, de Chris Edwards (Flickr), requer imagens…

MUITAS imagens! —

LEGO na Videolândia