Tecnologia Aleatória — Sobre rodas…

— senhoras e senhores: bem-vindos ao Futuro! —

O automóvel foi um sonho tornado realidade. Nunca teria sido possível, sem a invenção do veículo motorizado, chegar a locais longínquos numa mera questão de minutos ou horas, mas nunca dias ou meses! Ironicamente, o actual e ainda dominante carro a petróleo não foi o primeiro, mas sim o menos poluente e potente eléctrico… mas isso é história para outra altura!

— behold: the AIR CAR! —

Hoje venho-vos revelar como o sucesso destas máquinas, constantemente encaradas tanto como úteis quanto requintadas, se alastrou para outros caminhos tecnológicos, fazendo agora parte de outros gadgets dignos de fazer parte integrante do nosso dia-a-dia…

… mas só depois do clique!

Continuar a ler

Tecnologia Aleatória — Sobre rodas…

“Oh Professor Badass, onde arranjo uma armadura dessas?!” —

Neste capítulo da rubrica tecnológica aleatória, fala-se de tudo, desde coisas doces a bem amargas…


1 — O Website mais doce do mundo…

Não será surpresa nenhuma tratar-se de um site sobre chocolate… a surpresa, porém, é tratar-se de uma um sobre cerveja… e nacional! Desafio-vos a olhar para o espaço “Sagres Preta Chocolate” e resistir à tentação de comer uma tabelete!

cheguei a referir que inclui um "Baking of"... ARTESANAL!?

Para visitar o site, basta clicar aqui.


2 — Seco de dia, armado de noite!

Quando uma pessoa se depara com uma sombrinha com funcionalidades de espingarda, uma de duas verdades se verifica: ou a vida é um filme do 007 ou então alguém andou a beber demasiado… aposto que foram as duas, pois não percebo (para além do efeito surpresa) qual a utilidade disto num campo de batalha propriamente dito.

fonte: DVICE


3 — Se isto não for ridículo, estamos mal, mundo…

Uma das coisas que não percebi foi o porquê do novo filme da série Tron não ser exibido no cinema de Faro (agora o único, o do Fórum Algarve). Entretanto, parece que até faz todo o sentido, dado Tron Legacy ser um daqueles filmes que TEM DE SER VISTO em 3D, com os óculos fanhosos e que, por redireccionarem diferentes imagens para os nosso olhos (mas da mesma situação), recriam esse tal efeito de profundidade.

A início, pensei ser ridículo o cinema de Faro, quando comparado por exemplo ao Algarve Shopping, não usufruir de tal tecnologia… hoje não penso da mesma forma, e o facto do filme Kung-Fu Panda 2 não ter rendido (a versão 3D, claro está) apenas me vem confirmar aquilo que penso dos efeitos em si: cansativos, e apenas interessantes durante um excessivamente efémero período de tempo.

E aqui entra a tal “invenção ridícula”:

Óculos que forçam 2D? (sigh) Preciso de uma cerveja...

Parabéns, humanidade! Agora só falta inventar uma maneira de transformar sumo de laranja em água…

fonte: Lifehacker